(+351) 239 152 755 (+351) 938 406 867 geral@portugalmoedas.com.pt

Artigos
 
 

Achados de Moedas



COM INTERESSE PARA O ESTUDO DA CIRCULAÇÃO DE MOEDAS EM PORTUGAL OU EX COLONIAS.


Nesta secção vou tentar criar uma base de dados sobre os achados de moedas Portuguesas ou de moedas Estrangeiras em território Português. Para tal preciso da boa colaboração de todos os visitantes e colegas numismátas com o envio de registos de achados de moedas cujo a sua data seja anterior á republica , ou seja terá principal interesse moedas da nossa monarquia, árabes,romanas, gregas, ibéricas, estrangeiras desde que a sua antiguidade ou o seu valor justifique a sua divulgação.

Todos os registos enviados deverão vir já devidamente elaborados pelo seu autor e é claro com o nome e se preferir correio electrónico do mesmo.

Não se esqueça de incluir na sua noticia :
» O titulo adequado
» Qual o lugar do achado ? ( lugar , freguesia, concelho , distrito )
» Qual a data do achado ? ( pode já tratar-se de um achado com algum tempo )
» Como se encontravam reunidas as referidas moedas ?
» Quem foi o seu descobridor e como as descobriu ?
» O numero de moedas que compunham o achado e outros utensílios arqueológicos ?
» Caso seja conhecedor a classificação das moedas achadas.
» Qual o destino do achado ?(ficou em posse do achador ,vendeu-as ou deu-as a um coleccionador etc. , etc...)
» O achado foi noticiado em algum meio de comunicação ( jornal , revista , radio , etc , etc ...)
» São vulgares achados deste tipo na região do achado ?

Vou ficar a aguardar o envio da sua participação para esta nova secção da minha pagina.

Saudações Numismáticas
Luis vieira


________________________________________________________________________




Águeda ( achados de moedas romanas)
Em trabalhos de escavações arqueológicas no castro de Cabeço do Vouga em Agueda
Foram encontradas três exemplares em 1941 e uma em 1996 fala-se de um numero impreciso de moedas achadas em trabalhos agrícolas desenvolvidos na região.
As moedas identificadas são dos séculos III - IV
imperadores Quintilo , Galieno ; Constantino


Espanha (Huelva) (tesouro de moedas Portuguesas )
Foram encontradas 37 moedas portuguesas , do tempo de D. Pedro III ,marido de D. Maria I entre os escombros de uma casa da localidade espanhola de gibraleon, da provincia de Huelva.
 Os escombros da antiga casa estavam a ser recolhidos para aproveitamento na construção de uma nova vivenda , quando um dos operários encontrou as moedas .Em todas elas existe a inscrição « petrus ». A mais antiga do lote tem a data de 1733 e a mais moderna a data de 1876
( Jornal do Comercio 27-10-1971 )


Santo Tirso ( tesouro de moedas romanas em prata )
O Jornal de Noticias de 5 junho 1971 publica que em Castro de Alvarelhos durante os trabalhos de terraplanagem no local apareceu um pote de barro que a maquina rebentou espalhando assim uma grande quantidade de moedas por toda a área rapidamente a noticia propagou-se e começaram a aparecer populares que saquearam o tesouro calcula-se que se trata-se de um tesouro que continha mais de 5000 moedas de prata romanas.


Elvas ( tesouro de moedas de ouro e prata de vários reinados)
Em junho de 1969 na herdade de Alfarófia ,próximo de Caia no decorrer de trabalhos agrícolas ( abertura de regos para rega) o instrumento de lavoura tocou num objecto que se encontrava a pouca profundidade o trabalhador depois de analisar tal objecto verificou tratar-se de uma panela de barro que se desfez e com grande surpresa surgiu uma grande quantidade de moedas de ouro e prata dos reinados de D.Afonso V D.João II, D.João III , D.Manuel I , D.Sebastião .
( Comércio do Porto 16-10-1969)


Castelo de Paiva
Uma já antiga noticia de 1955 informa o aparecimento de um saco de couro contendo cerca de 2000 moedas romanas pesando mais ou menos cinco quilos as moedas do século IV são basicamente dos imperadores Aureliano , Constantino ; Gregoriano
Outra noticia de 1947 comenta o aparecimento no lugar de Santa Cecília de um saco de couro contendo também trinta moedas romanas do século IV .


Suécia , Malmoe( moedas portuguesas do séc. XVII )
Cerca de mil moedas portuguesas do século XVII , de prata e de cobre , foram encontradas por três mergulhadores desportivos de bornholm , no fundo do estreito de Oere ( Oresund) , entre a Dinamarca e a Suécia. Na mesma área foram descobertos fragmentos de um barco da mesma época, cujo a origem e nacionalidade se desconhecem
( Noticia de 22-11-1969 )


Vila da Feira
Uma noticia de 1977 comenta o aparecimento durante o decorrer de trabalhos agrícolas de uma ânfora de prata contendo uma argola de ouro um crescente em prata e uma media de uma centena de moedas romanas maioria delas denarius de prata.


São João da Madeira ( casa do morgado )
O jornal "O REGIONAL " de maio de 1995
Publicou o aparecimento de um tesouro composto por 65 de moedas de ouro romanas nos começos de 1995 , durante as obras de construção de um supermercado , nas imediações da Casa do Morgado ,desconhece-se o paradeiro das referidas moedas.


Caraíbas
Moedas portuguesas raras , barras de oiro com inscrições espanholas , dinheiro em prata , objectos de oiro, uma cruz de pérolas , colares venezianos e um astrolábio figuram entre os valores descobertos por um comerciante das Bermudas, nos restos de um galeão parece datar de 1580 e que o tesouro é o terceiro ,em valor, e um dos mais antigos a ser encontrado na região.
(Diário de Lisboa 20-09-1968 )


Torres Vedras ( tesouro de moedas tardo romanas )
"Em 1926 , escreve Júlio Vieira : " no sítio das ferrarias , próximo ao ramalhal , local onde apareceram pedaços de jorra de ferro , tem sido achados várias moedas e de uma vez foi encontrada uma bilha de barro com cerca de oito quilos de moedas de cobre que foram espalhadas pelos habitantes daqueles lugares vizinhos e de já hoje dificilmente se botem um exemplar por seus possuidores as terem extraviado devido ao pouco apreço que lhes ligaram


Ansião
Foi encontrado em 1979 em Ansião um tesouro composto por mais de cinquenta moedas denárius de prata romanos durante a abertura de uma vala junto a Câmara Municipal de Ansião



portugalmoedas@portugalmoedas.com.pt